Header Ads

Image and video hosting by TinyPic

Começa vacinação do rebanho de Arcoverde contra a febre aftosa

A Prefeitura de Arcoverde apoia a campanha de vacinação contra a febre aftosa promovida pela Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado – Adagro. A primeira etapa de vacinação contra a febre aftosa vai acontecer de 01 a 31 de maio. 

Todo o rebanho de bovinos e bubalinos deve ser imunizado. Mesmo com o status de área livre de febre aftosa com vacinação é preciso continuar protegendo os animais da doença. A Adagro deve imunizar mais de 90% do rebanho pernambucano, que hoje é de cerca de dois milhões de animais.

O produtor deverá adquirir a vacina nas casas agropecuárias e declarar a vacinação nos escritórios da Adagro. A vacina deve ser conservada em gelo e para evitar o estresse dos animais, deverá ser aplicada nas horas mais frias do dia, pela manhã ou no fim da tarde. Animais recém-nascidos também devem ser imunizados. O criador que não vacina fica impedido de tirar a GTA e não pode se cadastrar em programas do Governo, além de pagar multa.

A febre aftosa é uma doença viral, altamente contagiosa, que afeta animais de casco fendido, como bois, búfalos, cabras, ovelhas e porcos. A enfermidade é transmitida principalmente pelo contato entre animais doentes e sadios. O vírus também pode ser transportado pela água, ar, alimentos, pássaros e pessoas (mãos, roupas e calçados) que entraram em contato com os animais doentes. Os principais sintomas são: febre, ferimentos na boca, garganta e na pele ao redor dos cascos. Os animais ficam bastante debilitados, produzindo muita saliva, parando de andar e comer.

Foto: Divulgação

Nenhum comentário

Juliano Cesar. Tecnologia do Blogger.